Coisas da vida que odiamos admitir: todo mundo tem estrias. A gente pode emagrecer, pode fazer o que for que as estrias estão ali, lembrando pra gente algo como “Gata, aqui não tem elasticidade para acompanhar esse seu ritmo não!”. Seja em gravidez, crescimento, mudanças de peso…elas aparecem e depois, dá aquele desespero de não saber como tirar essas marcas da nossa pele.

Mas afinal, por que as estrias surgem?

As estrias são cicatrizes causadas pelo estiramento da pele e destruição das fibras elásticas. Geralmente desencadeadas por aumento de peso ou volume corporal repentino, as marcas podem surgir em diversas regiões e causar incômodo na hora de vestir o biquíni. As marcas se formam quando há uma sobrecarga na capacidade elástica da pele, que promove o rompimento das fibras colágenas. As minhas me irritam principalmente na lateral da barriga e eu estava bem, bem incomodada de não fazer nada a respeito. Eu dei uma boa emagrecida, mas as estrias ficaram ali, firmes e fortes.

estrias

Existem dois tipos de estrias. As vermelhas (ou roxinhas) e as brancas. As vermelhas ou arroxeadas são as mais fáceis de tratar, pois são recentes – a cor indica que o tecido não foi totalmente prejudicado e há sangue circulando no local. Com o passar do tempo, as linhas vão perdendo gradualmente a tonalidade até se tornarem esbranquiçadas. (Oi! Esse é o caso das minhas!). Para o tratamento contra as estrias brancas darem bons resultados, é preciso ser mais intenso para que a pele reaja produzindo mais colágeno e elastina e com isso, conseguimos uma cicatrização interna das estrias.

Quando cheguei para a segunda sessão, as estrias estavam assim, mais avermelhadas mas bem, bem mais suaves. Nos pontos onde o vermelho estava mais forte, não fizemos o procedimento em cima, só em volta e alguns pontinhos. Novamente, precisei tomar todos os cuidados de passar bepantol,  deixar o sol de lado e vários alimentos com betacaroteno para a cicatriz não ficar alaranjada 😉

tratamento-estrias

Micropuntura para estrias brancas

Fui na clínica de estética Corpo Santo e avaliamos a melhor solução para resolver o problema das minhas queridas amiguinhas brancas. O tratamento escolhido foi a micropuntura que é uma técnica desenvolvida pela esteticista Java Jeiman e serve para atenuar as marcas do tempo através de estimulação mecânica e cosmética apropriados. O objetivo é ativar o colágeno local irrigando a região onde já houve morte celular, devido ao rompimento das fibras e é indicado para qualquer tipo de pele e idade que apresentem estrias, linhas ou rugas. O tratamento para estrias  e rugas com Micropuntura promove a estimulação do tecido através do ácido lático que é implantado na pele com um aparelho chamado dermógrafo, o mesmo usado em maquiagem definitiva.

Assumo que eu estava meio com medinho de doer e tal. Aí, aproveitei o feriado para fazer a primeira sessão e ver como me sentia. O procedimento é feito com um dermógrafo com agulha bem pequena e fina (é o mesmo aparelhido que faz maquiagem definitiva), o procedimento causa pouco incômodo e já dá para trabalhar e realizar qualquer atividade mesmo após a sessão. Nós vamos fazer mais 6 sessões com um intervalo de aproximadamente 15 dias. A pele ficou avermelhada no local, mas isso é totalmente comum. O corpo entende a existência de um processo inflamatório que precisa ser cicatrizado e envia nutrientes como o colágeno e a melanina, para regenerar a pele.

Alguns cuidados são necessários durante os intervalos do procedimento. A pele fica sensível e por isso exige algumas restrições, como na remoção dos pelos. O  ideal é não usar cera pelos próximos 20 dias na hora de depilar e o mesmo vale para o sol: nada de praia ou piscina durante o mesmo período. A alimentação também precisa de atenção: alimentos com betacaroteno devem ser evitados, pois podem manchar as cicatrizes. Também são indicadas pomadas para hidratar e recuperar as áreas lesionadas. Estou usando o bom e velho e perfeito Bepantol Derma.

 O procedimento pode ser realizado em estrias e rugas em toda e qualquer área do corpo, seja para homens ou mulheres. As estrias brancas (antigas) são mais resistentes a recuperação, e as vermelhas (novas) respondem melhor ao tratamento. Quanto mais novas as estrias mais fácil a recuperação da pele, podendo atingir até 50% da recuperação da pele. Quanto às rugas, mesmo as linhas pouco aparentes já podem ser tratadas. Estrias brancas (antigas) – melhora de até 40% e vermelhas (novas)- melhora de até 60%.

Clínica Corpo Santo

Tiveram duas coisas que me conquistaram na hora de fazer a micropuntura para estrias na Corpo Santo: a primeira foi o profissionalismo com que me explicaram como funciona todo o tratamento, me deixaram bem tranquila para entender exatamente como funciona o procedimento. E a outra foi o ambiente, a clínica fica no Fusion Work&Live, no Setor Hoteleiro Norte, bem pertinho de tudo. O lugar é tranquilo, silêncio e a Raphaela colocou uma playlist excelente durante a sessão, que adorei!

Lá, eles oferecem diversos outros tipos de tratamentos como alongamento de cílios, maquiagem definitiva e outros procedimentos estéticos. Dá uma olhadinha aqui no site da Corpo Santo.

A cada sessão vou contando aqui para vocês como tudo está caminhando. 😉

3