7 Erros de Quem Entra na Academia Para Emagrecer

por | jan 16, 2016 | Todos os posts, treinos

Quer dizer então que entre as suas resoluções de ano novo estava (mais uma vez) emagrecer? Você decidiu que cansou de ver Sabrina Sato sambando na sua cara todo Carnaval e se deu 6 meses para sambar na dela? Ou resolveu que vai levar uma vida mais saudável e equilibrada? Não importa o motivo, o fato é muitas vezes, a gente se matricula,  para se inscrever em uma academia, chega na maior animação e acaba se atropelando.

Por isso, junto com o @wilton_personal, fizemos a lista dos 7 erros mais comuns na academia, especialmente se o seu objetivo é emagrecer. Se você tiver cometendo um deles, vai prejudicar muito seu objetivo. Por isso, foco e calma. O resultado chega.

Erro n. 1 – Esperar resultados imediatos

É, amiga, é triste afirmar, mas Sabrina Sato não conquistou aquele bumbum que a gente tanto admira da noite para o dia. Assim como tudo na vida, na academia também não tem “almoço grátis”. É por isso que a expressão “no pain, no gain” é tão popular. Você precisa ter consciência do seu corpo e necessidades específicas dele e trabalha-lo da forma certinha para ele se adaptar a esse novo estímulo. O que você pode perceber de resultado imediato é um sono melhor, postura mais certinha. Mas é a continuidade da rotina que permite ver resultados bacana e isso leva tempo.

 

Erro n. 2 – Fazer só aeróbico porque você acha que musculação “engorda”

Primeiro, musculação não engorda. Segundo: se você fizer um treino específico, seguindo uma metodologia adequada aos seus objetivos, O RESULTADO VEM! O treino resistido (ou seja, a musculação) e o treino aeróbio estão diretamente ligados. Um beneficia o outro e ajuda o outro.  A adição de treinamento resistido ao aeróbico fazem você ter um resultado ainda melhor. Ficar horas na esteira não vai resolver.

 

Erro n. 3 – Fazer aeróbico em jejum sem orientação

De tempos em tempos, surge uma “tendência-arrasadora-que-vai-te-fazer-emagrecer-agora”. Uma delas é o aeróbico em jejum. O  Problema é que se você não trabalhar em níveis de intensidade moderada, sua gordura vai deixar de atuar na reposição energética. Se o aeróbico em jejum for feito em intensidade alta, há risco de hipoglicemia ou qualquer outro desconforto de uma forma, digamos, inevitável.  É provável também que o corpo comece a buscar energia nos músculos e você perde massa magra. Triste, né? Consumir um lanche pré-treino alimenta seu exercício e te garante uma performance muito melhor.

 

Erro n. 4 –  Deixar o alongamento de lado

Ok, a desculpa vai ser que você está atrasada, certo? São 10 minutinhos a mais para o seu corpo entender que é para sair do estado de repouso e precisa se preparar para fazer esforço. No fim do treino, a ideia é relaxar a musculatura. O alongamento é fundamental por ajudar o corpo a reagrupar a musculatura, evitar fadigas, liberação miofascial e relaxamento do corpo.

Erro n. 5 – Não tomar água durante o treino

A água é uma das suas melhores amigas na hora de emagrecer. Durante a atividade física, o corpo perde muito líquido.  A reposição da água é essencial para repor o que foi eliminado através da transpiração e evitar a desidratação. Escolha uma garrafinha bem linda e treine com ela do seu lado sempre.

 

Erro n. 6 –  Exagerar na dose de exercícios

pegar peso demais logo no começo pode te fazer desistir e até se lesionar. Comece com pesos leves e aumente a carga aos poucos. Assim, você não fica desmotivado.

Erro n. 7 – Fazer exercícios por conta própria

Um educador físico vai saber entender seu corpo, suas necessidades e objetivos. Assim, ele pode fazer uma série de exercícios levando em consideração o nível que você se encontra. Você não vai estar superando seus limites pegando mais peso logo de cara. A orientação do professor é feita para que seu corpo se prepare para a carga. Aos poucos, o corpo vai conhecendo a atividade do seu próprio sistema neuro-músculo-esquelético e reconhece que precisa de mais estímulo. Com isso, as cargas vão sendo aumentadas de acordo com a sua capacidade física. Sem respeitar isso, o aumento de carga excessivo só trará dores e até uma lesão.   Curtiu essas dicas? Tem dúvidas? Deixe seus comentários aqui que passamos para o Personal Wilton te responder. 😉

0